BC decreta intervenção em cooperativa de crédito rural de SC

Brasília – O Banco Central (BC) decretou intervenção na Cooperativa de Crédito Rural do Litoral Vale do Itajaí e Norte Catarinense (Credialves), com sede em Luiz Alves (SC).

De acordo com comunicado do BC, a intervenção ocorre devido “a perdas decorrentes de má administração, sujeitando os credores a risco”. Foi considera também a “ausência de liquidez para honrar seus compromissos, sem que tenha sido apresentada solução satisfatória que permita reverter o quadro”. A cooperativa não se enquadrou nos limites operacionais a que está sujeita, “mesmo após reiteradas determinações” do BC.

O banco nomeou como interventor João Maximo Iurk e informou que os bens dos ex-administradores estão indisponíveis.

No site, a Credialves informa que é uma cooperativa de crédito rural com atuação nos municípios de Luís Alves, Ilhota, Massaranduba, Guaramirim, Joinville, Corupá, Rio do Oeste, Laurentino, Gaspar e Imbituba, em Santa Catarina. A cooperativa tem dez postos de atendimento, 65 funcionários e cerca de 5.200 cooperados.