Taxa média de cheque especial e empréstimo pessoal recuam, diz Procon-SP

Pesquisa realizada pela Fundação Procon-SP, órgão vinculado à Secretaria da Justiça  e  da  Defesa da Cidadania, detectou pequenas quedas na taxa média dos  juros  em relação ao mês anterior. No estudo feito em 5 de novembro, o empréstimo  pessoal e o cheque especial mostraram decréscimo de 0,01 e 0,08 ponto  percentual,  respectivamente,  na taxa média. O empréstimo passou de 5,36% ao mês (a.m.) para 5,35%, e o cheque especial de 8% a.m para 7,92%.

Neste   mês,   a  pesquisa  constatou  novamente  queda  das  taxas  médias analisadas.  Dos  sete  bancos  pesquisados,  três  reduziram suas taxas de empréstimo pessoal e quatro reduziram suas taxas do cheque  especial.

Para  a  diretoria  de  estudos e pesquisas do Procon-SP, Valéria Rodrigues Garcia,  apesar  de alguns  bancos terem baixado os juros, a contratação de crédito  deve  ser  planejada  e  as  parcelas  do empréstimo computadas no orçamento  de  modo  que não inviabilize o pagamento de outras despesas. “É importante   também   evitar   a   contratação  de  várias  modalidades  de financiamento  ao  mesmo  tempo,  fato  que  pode  levar  à inadimplência”, conclui.