IPC-Fipe sobe na primeira prévia de setembro 

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que mede a inflação da cidade de São Paulo, registrou avanços e ficou em 0,31% na primeira quadrissemana de setembro. Na comparação com a primeira prévia de agosto, que ficou em 0,16%, houve uma aceleração de 0,15 pontos percentuais (p.p.). Os dados foram divulgados hoje pela fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe).

Nesta apuração, o grupo Alimentação apresentou forte aceleração, passando de 1,08% no fechamento de agosto para 1,46%. Foi o item que, na variação ponderada, mais contribuiu para a alta do índice no período.

A segunda maior alta foi verificada no grupo Saúde, que apresentou avanços de 0,51%. Em comparação à agosto, que fechou em 0,55%, houve uma ligeira queda. 

Já o grupo Habitação passou de uma deflação de 0,13% em agosto para -0,20%. O grupo Transportes continuou em campo negativo (-0,24% para -0,13%).

Despesas Pessoais passou de 0,37% para 0,16%. O grupo Vestuário também apresentou desaceleração passando de 0,22%  para 0,06%. E Educação (0,16% para 0,12%).