Bancos da Espanha batem novo recorde da dívida com o BCE 

A dívida dos bancos da Espanha com o Banco Central Europeu (BCE) voltou a bater recorde histórico em julho, a 375,549 bilhões de euros, segundo o Banco da Espanha.

O valor, que revela a capacidade dos bancos espanhóis de obter financiamento nos mercados, ao invés de recorrer ao BCE, bate sucessivos recordes desde janeiro.

O recurso dos bancos da Espanha ao BCE, que disparou a 131,9 bilhões de euros em julho de 2010, iniciou uma sequência de quedas, até 42,23 bilhões de euros em abril de 2011.

Mas desde julho 2011 retomou a trajetória de alta. Deu um novo salto de 10,2% entre junho e julho, passando de 337,2 bilhões a 375,5 bilhões de euros, depois de ter aumentado 17,2% entre maio e junho e 9,2% entre abril e maio.