SulAmérica registra lucro líquido de R$ 112,8 milhões 

A Sul América S.A. (SULA11) registrou lucro líquido de R$ 112,8 milhões no primeiro trimestre de 2012. O valor é 10,6% superior ao registrado no mesmo trimestre do ano anterior e reflete o bom desempenho das carteiras da companhia e a rentabilidade de suas operações. A receita com prêmios de seguros cresceu 14,5%, totalizando R$ 2,5 bilhões.

A carteira de seguro saúde, que responde por 59,2% da receita de seguros da companhia e possui 2,4 milhões de beneficiários, registrou prêmios de R$ 1,7 bilhão no primeiro trimestre, 20% superior aos números do primeiro trimestre de 2011. O destaque neste segmento foi a linha de seguros para pequenas e médias empresas, que apresentou expansão de receita de 21,1% frente a igual trimestre do ano passado.

A carteira de planos odontológicos fechou o período com forte crescimento, atingindo R$ 22,5 milhões em prêmios no primeiro trimestre do ano. A carteira de clientes também cresceu, atingindo a marca de 467 mil membros, 98% superior ao mesmo período de 2011. Este desempenho é resultado tanto da incorporação dos cerca de 141 mil clientes da Dental PLAN, cuja aquisição foi aprovada em março de 2011 pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), como do crescimento orgânico do segmento odontológico, no que contou com a colocação através de uma ampla rede de corretores especializados e em ações decross-sell.

Nos seguros de automóveis, segunda maior carteira da SulAmérica, os prêmios totalizaram R$ 527,1 milhões, com incremento de 2,3% em relação ao primeiro trimestre de 2011. O resultado foi impactado pelo atual ambiente competitivo no setor e pela redução no ritmo das vendas de automóveis novos no período. A frota segurada atingiu a marca de aproximadamente 1,5 milhão de veículos.

Já nos demais ramos elementares, a companhia registrou crescimento de 2,7% em relação ao período correspondente do ano passado. O destaque está na carteira de seguro habitacional, que registrou importante avanço no período.

O segmento de seguros de pessoas também apresentou crescimento, totalizando R$ 125,3 milhões em prêmios no trimestre, número 12,9% maior do que o primeiro trimestre do ano anterior. O resultado foi impulsionado pelo aumento na receita de novos contratos de seguros na modalidade prestamista, e também pela venda de seguros de baixo ticket por meio de corretores com acesso a canais alternativos de distribuição.

A carteira de investimentos gerou resultado de R$ 158,1 milhões, 3% acima do apresentado no trimestre anterior, e alcançou rentabilidade equivalente a 117,7% do CDI. No segmento de gestão de ativos, a SulAmérica Investimentos encerrou o período com volume de ativos administrados de R$ 22,9 bilhões.

O índice de sinistralidade total, representando a média das carteiras da empresa, foi de 75,7% no primeiro trimestre, índice 1,9 ponto percentual superior ao período comparado. O índice combinado (combined ratio) ficou em 101,1%, 1,3 ponto percentual acima do registrado no primeiro trimestre de 2011.