Vendas brutas do grupo Pão de Açúcar têm crescimento de 10,4% 

O Grupo Pão de Açúcar obteve em vendas brutas um total de R$ 13,660 bilhões, com crescimento de 10,4% no conceito ‘todas as lojas’ em relação ao primeiro trimestre de 2011, decorrente principalmente da performance destacada das bandeiras Assaí, Minimercado Extra e Ponto Frio. No conceito ‘mesmas lojas’, o aumento foi de 9,6% em relação ao mesmo período do ano anterior.

No GPA Alimentar, o  crescimento das vendas brutas ‘mesmas lojas’ foi de 9,3%. Em termos reais, ou seja, deflacionadas pelo IPCA, as vendas cresceram 4,1%. Entre as bandeiras, os destaques foram Assaí, Extra Super e Minimercado Extra, cujas vendas brutas no conceito ‘mesmas lojas’ cresceram acima da média do Grupo. Já as vendas da categoria de alimentos apresentaram crescimento de 9,4% no período.

Com relação a categoria de não alimentos, o destaque foi o setor de têxtil da bandeira Extra, com adoção de nova estratégia para a coleção Outono/Inverno. A campanha de lançamento teve a participação da atriz Camila Pitanga e peças desenvolvidas pelo estilista Marcelo Sommer.

Neste contexto, houve abertura de 2 lojas, sendo 1 Extra Hiper e 1 Assaí, além de 5 conversões de Extra Fácil para Minimercado Extra. Outras 14 lojas encontram-se em construção.

Vale lembrar que no trimestre, as vendas brutas da Viavarejo ‘mesmas lojas’ avançaram 10,0%. Em termos reais, considerando deflação da categoria de eletro e inflação das categorias de móveis e colchão nos últimos 12 meses, divulgado pelo IBGE, o crescimento real foi de 15,7%. Com isso, as lojas físicas apresentaram crescimento de 9,2%.

Durante o primeiro trimestre de 2012, as lojas de Casas Bahia e Ponto Frio promoveram importantes ações de marketing, e continuaram com o processo de revisão e adequação do sortimento, além da reformulação das lojas aos posicionamentos definidos.

Para finalizar, a Nova Pontocom cresceu 15,3%, incluindo o Atacado. Vale destacar que os sites aumentaram as vendas em 21,2% em relação ao 1T11, reforçando o papel da experiência de compra como um fator de diferenciação.