Dilma anunciará R$ 18 bilhões de incentivos à indústria 

O governo federal anunciará nesta terça uma reformulação nas linhas de financiamento para investimento e capital de giro do Banco Nacional de Desenvolvimento, Econômico e Social (BNDES), com a ampliação dos setores favorecidos, redução das taxas de juros e maior prazo para pagamento. A previsão é de um aumento de R$ 18 bilhões nos empréstimos, segundo informações do jornal O Estado de S. Paulo

O governo estaria preocupado em dar mais competitividade aos setores industriais prejudicados pela valorização do real.

De acordo com a publicação, as medidas, preparadas pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega, serão anunciadas pela presidente Dilma Rousseff no Palácio do Planalto. Haverá mudanças nas regras de atuação dos fundos de desenvolvimento regional para alavancar investimentos em infraestrutura. 

Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal poderão atuar neste mercado, oferecendo empréstimos com recursos do Fundo de Desenvolvimento do Nordeste e do Fundo de Desenvolvimento da Amazônia. O risco das aplicações deve ser transferido do Tesouro para os bancos.