EUA têm novo recuo em solicitações de auxílio-desemprego

As novas solicitações de auxílio-desemprego se mantiveram em queda nos Estados Unidos ao final de janeiro, confirmando a tendência de recuo de novos desempregados que se observa desde o final do verão no país, segundo dados oficiais publicados nesta quinta-feira.

Segundo o Departamento de Trabalho, foram registrados 367.000 pedidos de subsídios por desemprego em todo o país de 22 a 28 de janeiro, ou seja, 3% menos que na semana precedente.

O recuo foi mais forte que o esperado pelos analistas, cuja estimativa média era de 375.000 novas solicitações de subsídios.