Inflação avança na segunda semana do mês 

IPC-S apresentou variação de 0,38%

O IPC-S de 15 de novembro de 2011 apresentou variação de 0,38%, taxa 0,04 ponto percentual acima da registrada na última apuração da Fundação Getulio Vargas. Nesta apuração, quatro das sete classes de despesa componentes do índice apresentaram acréscimo em suas taxas de variação. 

O principal destaque foi o grupo Alimentação, cuja taxa de variação passou de 0,34% para 0,42%. Nesta classe de despesa, o item que mais contribuiu para este movimento foi hortaliças e legumes, cuja taxa de variação passou de -0,55%, na semana anterior, para 1,56%, nesta apuração. 

Os grupos Habitação (0,45% para 0,51%), Saúde e Cuidados Pessoais (0,33% para 0,41%) e Educação, Leitura e Recreação (0,42% para 0,47%) também apresentaram acréscimo em suas taxas de variação. Para cada uma destas classes de despesa, vale citar o comportamento dos itens: aluguel residencial (0,56% para 0,77%), artigos de higiene e cuidado pessoal (-0,08% para 0,26%) e show musical (2,27% para 3,98%), respectivamente. 

Em contrapartida, os grupos Vestuário (0,87% para 0,64%) e Transportes (-0,06% para -0,09%) apresentaram desaceleração em sua taxa de variação. Nestas classes de despesa, os destaques partiram dos itens: roupas (1,23% para 0,88%) e gasolina (-0,41% para -0,67%), respectivamente. 

O grupo Despesas Diversas repetiu a taxa apurada na última divulgação, de 0,11%. Os destaques no sentido ascendente e descendente foram: cerveja (-0,17% para 0,45%) e alimento para animais domésticos (0,30% para -0,35%), nesta ordem.