Indústria paulista fecha 18 mil postos de trabalho em outubro

A indústria de transformação paulista reduziu em 0,66% o nível de emprego em outubro na comparação com setembro, o que representou um corte de 18 mil vagas. No acumulado do ano, no entanto, houve um aumento de 3,17%, com 82 mil novas contratações. Mas esse percentual mostra uma redução do ritmo de crescimento, já que em igual período do ano passado a indústria paulista registrou uma expansão de 8,13% do nível de emprego.

Os dados foram divulgados hoje (16) pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp). Do total de 22 setores pesquisados, 11 apresentaram aumento de vagas de setembro para outubro, nove tiveram desempenho negativo e dois ficaram estáveis.

Entre os setores que mais demitiram estão a indústria de alimentos, com a eliminação de 15.219 vagas, e a de coque (tipo de combustível), produtos derivados de petróleo e biocombustíveis, que cortou 2,5 mil postos de trabalho.