Banco da Inglaterra diminui previsões de crescimento para 2011 e 2012

O Banco da Inglaterra (BoE) prevê um crescimento britânico de cerca de 1% em 2011 e 2012, penalizado por uma degradação da atividade em nível mundial, segundo o informe trimestral da instituição sobre as perspectivas econômicas do Reino Unido.

Segundo as previsões do banco central britânico, a inflação deve cair no próximo ano com maior rapidez em relação ao previsto, para alcançar o objetivo oficial de 2% durante o terceiro trimestre de 2012 e cair abaixo de 1,5% no fim do mesmo ano.