Mario Monti está 'convencido' de que Itália supera crise 

O primeiro-ministro designado Mario Monti está ‘tranquilo’ e ‘convencido’ de que a Itália será capaz de superar esta etapa difícil, revelou o próprio dirigente na noite desta terça-feira, ao final de conversações com as forças políticas. 

Monti confirmou que na manhã desta quarta-feira irá à Presidência para aceitar oficialmente o cargo de chefe de governo, substituindo Silvio Berlusconi, e que apresentará ao presidente Giorgio Napolitano seu programa de governo. 

"Todos têm plena consciência da atual situação de emergência e fé na firmeza das instituições e da sociedade civil’ italianas. 

Monti destacou que viu em seus interlocutores ‘o sentido de responsabilidade e a vontade de contribuir com respostas eficazes’, aceitando a ideia de ‘possíveis sacrifícios visando um resultado positivo em seu conjunto’. 

O ex-comissário europeu será recebido pelo presidente Giorgio Napolitano às 10H00