Merkel: é preciso resolver imperfeições do euro "agora ou nunca"

A chanceler alemã, Angela Merkel, considerou nesta quarta-feira que é preciso "resolver as imperfeições" da união monetária europeia "agora ou nunca". Isto não poderá ser feito se não for através de modificações dos tratados europeus, afirmou a chanceler em um discurso aos deputados do Bundestag. "Onde está escrito que uma mudança dos tratados deve durar 10 anos?", perguntou.

"A Eurozona deve aproveitar a oportunidade de reformar que esta crise oferece. Caso contrário seria uma fracasso", afirmou a chanceler. "As modificações dos tratados sempre implicam riscos, é um caminho trabalhoso", reconheceu Merkel, porque devem ser aprovadas pelos 27 membros da UE, mas "é preciso que estejamos dispostos a tomar este caminho".

"As mudanças deveriam reforçar uma cultura de estabilidade na Europa, dando às instituições europeias a possibilidade de intervir nos países que infringem as regras de maneira permanente", explicou Merkel. "Por exemplo, devemos ter a possibilidade de denunciar ante a Corte Europeia da Justiça os alunos ruins".