CNC: número de famílias endividadas cai pelo 5º mês consecutivo

As famílias estão moderando os gastos em 2011 e o número de famílias com dívidas caiu pelo quinto mês consecutivo, segundo pesquisa da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) divulgada nesta terça-feira.

Na comparação de outubro de 2010 com o mesmo período de 2011, o o índice de intenção de consumo registrou recuo de 0,3%. De outubro de 2011 para o mês anterior, foi registrada alta de 0,7% no indicador. 

De acordo com o levantamento, o número de famílias que possui dívidas entre cheque pré-datado, cartão de crédito, carnê de loja, empréstimo pessoal, prestação de carro e seguros recuou pelo quinto mês consecutivo, passando de 61,6% em setembro para 61,2% em outubro de 2011.

Apesar da queda, os números de outubro ainda são maiores que os registrados no mesmo período do ano anterior, quando 58,6% das famílias declararam ter dívidas. O número de famílias com dívidas em atraso passou de 24,3% em setembro de 2011 para 21,3% em outubro, número menor também que o registrado no mesmo mês do ano passado (23,4%). No entanto, o número de famílias que declarou que não tem como pagas as dívidas subiu 0,2% de setembro a outubro de 2011, passando de 8% para 8,2%. Na comparação de outubro de 2010 com 2011, o índice caiu de 9,5% para 8,2%.