Preocupação com a Grécia derruba bolsas e ações bancárias

As bolsas registravam fortes baixas nesta segunda-feira, em particular as ações dos bancos, em consequência dos temores crescentes sobre a possibilidade de default da Grécia.

Na Europa, Paris perdia 4,80%, Frankfurt 3,55%, Londres 2,49%, Madri 3,38% e Milão 4,10%. O índice dos principais valores suíços perdia 3,09%.

Os títulos bancários encabeçavam as desvalorizações. Em Paris, BNP Paribas, Crédit Agricole e Société Générale perdiam quase 10%, sob a ameaça de rebaixamento da nota de suas dívidas pela agência de classificação Moody''s.

Na bolsa de Frankfurt, Deutsche Bank e Commerzbank registravam perdas de mais de 8%.

Em Madri, o Santander, maior banco da Eurozona em termos de capitalização, retrocedia 4,85%.

Na Ásia, Tóquio fechou em queda de 2,31%, com o índice Nikkei no menor nível em mais de dois anos, a 8.535,67 pontos. Hong Kong perdeu 4,21%.