Mercosul e México firmam acordo de livre comércio no setor automotivo

O Mercosul e o México firmaram nesta sexta-feira um acordo que permitirá o livre-comércio no setor automotivo entre ambas as partes, informou a Associação Latino-Americana de Integração (Aladi). 

O documento, assinado na sede da Aladi em Montevidéu, tem como objetivo aprofundar o Acordo de Complementação Econômica entre Argentina, Brasil, Paraguai, Uruguai - que formam o Mercosul - e México. 

Para o embaixador mexicano no Uruguai, Cassio Luiselli, o tratado lhes permitirá "passar a ser jogadores de primeiro nível em um setor de alta tecnologia e competitividade". 

O representante permanente do Brasil ante a Aladi e o Mercosur, Regis Arslanian, destacou ‘a importância do setor automotivo no comércio regional’ e o crescimento do intercâmbio comercial entre seu país e México nos últimos anos. 

O secretário-geral da Aladi, o argentino Carlos Alvaréz, disse que ‘a liberação do comércio automotor é um passo central no processo integrador’ dos países que formam o organismo. 

A Aladi está integrada por Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Cuba, Equador, México, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela.