Pedidos às indústrias da zona do euro caem 0,7% em junho

Os novos pedidos às indústrias nos 17 países que compõem a zona do euro registraram baixa de 0,7% em junho deste ano, na comparação com maio, segundo informações divulgadas hoje pelo Escritório de Estatísticas da União Europeia, Eurostat. Em maio, houve acréscimo de 3,6%.

Excluindo-se equipamentos para navegação, ferrovias e aeroespaciais – considerados mais voláteis – os novos pedidos às indústrias da região desceram 3,0% em junho, na mesma base de comparação.

Por sua vez, ante o mesmo mês de 2010, os novos pedidos subiram 11,1% em junho deste ano. Com a exclusão de equipamentos para navegação, ferrovias e aeroespaciais, houve alta de 7,9%.