Desemprego na zona euro fica abaixo de 10% em fevereiro

LONDRES - A taxa de desemprego na Eurozona foi de 9,9% em fevereiro, abaixo da marca de 10% pela primeira vez desde o fim de 2009, segundo a agência europeia de estatísticas, Eurostat. Para janeiro, a Eurostat revistou para cima a estimativa inicial, de 9,9% a 10%.

O índice de desemprego nos 17 países da Eurozona estava em 10% desde julho de 2010, com exceção de outubro, quando registrou um recorde de 10,1%.

No total, 15,74 milhões de pessoas estavam desempregadas em fevereiro nos países da zona euro, ou seja, 77.000 menos que no mês anterior.

Para o conjunto da União Europeia, a taxa de desemprego foi de 9,5% em fevereiro, contra 9,6% em janeiro. Em fevereiro, a maior taxa de desemprego foi registrada na Espanha, com 20,5%, e a menor na Holanda (4,3%).