Confiança dos industriais paulistas na economia cai em outubro

O Sensor, índice da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) que mede o nível de confiança dos industriais paulistas na economia nacional, caiu em outubro. O índice passou de 53,7 pontos em setembro para 52,6 pontos este mês.

O Sensor avalia cinco itens: mercado, vendas, estoque, emprego e investimento. Em apenas dois o otimismo dos empresários aumentou. A confiança nas vendas passou de 50,9 pontos em setembro para 51,8 em outubro e, no emprego, de 53,9 pontos para 54,4.

“Vendas, estoque, emprego e investimentos, todos estão relativamente estáveis, com destaque para o fato de que o emprego está superior a 50 [pontos], seguindo a trajetória de expansão. O investimento continua na sua trajetória vigorosa e o estoque levando um certo tempo para se acomodar”, disse Paulo Francini, diretor do Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos da Fiesp.

De acordo com o Sensor, a percepção sobre o comportamento dos estoques variou de 46,6 pontos em setembro para 45,1 em outubro. O mercado caiu de 55,9 para 52,1 pontos devido, segundo Francini, ao aumento das importações. Já os investimentos passaram de 61 pontos no mês passado para 59,7 este mês.