Tesouro vai comprar mais dólares para segurar alta do real

O Diário Oficial da União publicou hoje (6) a resolução do Banco Central que autoriza o Tesouro Nacional a comprar mais dólares no mercado à vista para segurar a valorização do real. A medida foi decidida ontem (5) em reunião extraordinária do Conselho Monetário Nacional (CMN).

De acordo com o Banco Central, o Tesouro poderá comprar, a partir de agora, moeda estrangeira para zerar os pagamentos previstos da dívida externa no prazo de quatro anos, evitando a volatilidade inerente ao mercado cambial. Pela regra anterior, o prazo era de dois anos. Ano passado, o Tesouro adquiriu cerca de US$ 5,6 bilhões, dinheiro suficiente para pagar 73% de toda a dívida externa a vencer em 2010.

Para conter a queda do dólar, o governo já havia determinado o aumento da alíquota do IOF (Imposto sobre Operações Financeiras), de 2% para 4%, em operações estrangeiras no mercado de renda fixa brasileiro. O aumento não se aplica ao capital estrangeiro em Bolsa de Valores (que segue em 2%), aos investimentos de brasileiros em renda fixa (não tributados com IOF) e aos investimentos estrangeiros diretos.