CAF aprova empréstimo de 500 milhões de dólares para Eletrobrás

A Corporação Andina de Fomento (CAF) aprovou um empréstimo de 500 milhões de dólares para financiar, junto com bancos privados, parte do plano de investimentos da Eletrobrás, informou o organismo nesta sexta-feira em um comunicado.

"Com esta operação, a CAF continua apoiando o setor energético brasileiro, que foi declarado como estratégico pelo governo federal desse país", ressaltou o presidente da CAF, Enrique García, segundo o documento.

A Eletrobrás traçou um plano de investimentos para ampliar e melhorar a eficiência na geração, transmissão e distribuição de energia, renovar a estratégia para a distribuição, e identificar oportunidades de crescimento em mercados internacionais.

O empréstimo é dividido em duas partes: 125 milhões de dólares concedidos pela CAF e 375 milhões de dólares financiados pelas instituições financeiras BBVA, Banco Santander e HSBC.

A CAF concedeu 1,3 bilhão de dólares à estatal brasileira.

A Corporação Andina de Fomento é uma instituição financeira multilateral integrada por 17 países de América Latina, Caribe e Europa.