BMW anuncia recall de mais de 350 mil veículos

      BERLIM - A montadora alemã BMW anunciou um recall mundial de 350.800 veículos, incluindo 5.800 Rolls-Royce, em consequência de um possível problema no sistema de freios, que segundo a empresa não representaria riscos. O problema afeta 345 mil BMW sedans das séries 5, 6 e 7, além de 5.800 Rolls-Royce.

O mercado dos Estados Unidos, com 198 mil veículos, é o mais afetado. A medida também envolve a China e alguns países europeus, mas a BMW não revelou mais detalhes. Na Grã-Bretanha, 10 mil veículos devem receber reparos, segundo um porta-voz da empresa em Londres.

O grupo alemão vendeu em 2009 em todo o mundo 1,07 milhão de BMW e 1.002 Rolls-Royce. O problema, "sem riscos" segundo a montadora, foi localizado no sistema de freios, que pode se tornar levemente mais difícil de acionar após um tempo prolongado de uso do veículo. Por isso uma substituição será efetuada.

"Nem todos os veículos apresentam o problema, mas pedimos aos proprietários que os levem às oficinas por precaução", afirmou um porta-voz da BMW à AFP. A decisão foi adotada pela BMW de maneira voluntária e não foi registrado nenhum acidente vinculado ao problema.