Mercados da Ásia fecham semana sem direção definida

SÃO PAULO, 24 de setembro de 2010 - Da mesma forma que iniciaram, os índices acionários da Ásia fecharam a semana sem tendência definida, tendo o desempenho comprometido pela grande quantidade de feriados nas principais bolsas da região.

Nesta sexta-feira, existia a expectativa por parte do mercado, de que o governo do Japão intervisse no mercado de divisas do País para conter a forte valorização do iene frente ao dólar. A perspectiva se manteve por boa parte do dia, ocasionando uma considerável subida da moeda norte-americana, porém, não houve a confirmação da intervenção e o dólar tornou a cair, prejudicando as exportações da região.

Além disso, o crescimento inesperado do número de pedidos de seguro-desemprego, nos Estados Unidos, voltou a despertar a desconfiança em relação a intensidade da recuperação econômica do País.

Assim, em Tóquio, o índice Nikkei 225 caiu 0,99%, para 9.471,67 pontos, ao mesmo tempo que em Seul, o índice Kospi subiu 0,76%, para 1.846,60 pontos, e em Hong Kong, o índice Hang Seng avançou 0,33%, para 22.119,43 pontos. Em Xangai, a bolsa local não operou, devido a um feriado nacional.

(Gabriel Nunes - Agência IN)