Atacado de carne bovina perde sustentação

SÃO PAULO, 24 de setembro de 2010 - Embora a desvalorização do atacado de carne bovina tenha sido pequena, 0,6%, sinaliza uma mudança de comportamento, já que o mercado vinha trabalhando em alta há dois meses, de acordo com a Scot Consultoria.

A oferta de boiadas melhorou um pouco no estado, o que fez crescer moderadamente a oferta de carne bovina no atacado. Além disso, em finais de mês, a tendência é que o consumo se retraia.

No atacado com osso as quedas foram mais expressivas. O dianteiro avulso e dianteiro 1x1, por exemplo, acumularam desvalorização de 3% e 2%, respectivamente, nos últimos sete dias. O repasse das altas registradas no atacado pode ter afetado um pouco as vendas do varejo.

(Redação - Agência IN)