Blockbuster entra com pedido de concordata

NOVA YORK - A rede de aluguel de vídeos Blockbuster informou nesta quinta-feira que se colocou sob a proteção de falências para ganhar tempo e tentar se reestruturar para a distribuição digital. "Pedir concordata é o melhor caminho para recapitalizar nosso balanço e posicionar a Blockbuster para o futuro, enquanto continuamos transformando nosso modelo de negócios", afirmou seu presidente, Jim Keyes. A empresa disse que buscou um acordo com o grupo de credores dentro de um plano para impulsionar sua posição financeira, enquanto tenta reenfocar seu negócio, prejudicado pelos avanços técnicos das novas mídia digitais. Sob o plano de falências, a Blockbuster diminuirá drasticamente o número de filiais e se voltará para a distribuição digital.