Demanda aérea doméstica cresce 34% em agosto

SÃO PAULO, 15 de setembro de 2010 - A demanda pelo transporte aéreo nas rotas domésticas cresceu 34,13% em agosto de 2010, comparado a agosto de 2009. Já nas rotas internacionais realizadas pelas empresas brasileiras, o crescimento foi de 28,53% comparado ao mesmo mês do ano passado. No acumulado do ano, de janeiro a agosto de 2010, as companhias aéreas brasileiras acumulam crescimento de 27,04% no mercado nacional e 17,34% no internacional. Os Dados Comparativos Avançados foram publicados hoje pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

A TAM se mantém na liderança do mercado doméstico com crescimento de 30,49% em agosto e atingiu 42,61% de participação. Na segunda posição está a Gol/Varig, com crescimento de 27,81% e obteve 39,0% de participação. A Azul é a terceira maior empresa brasileira com 6,14% da fatia do mercado, após ter crescido 64,74% nos últimos 12 meses. Em seguida está a Webjet que detém 5,82% da fatia do mercado doméstico e cresceu 56,58% no período. Avianca (antiga OceanAir) e Trip detém 2,89% e 2,38% respectivamente.

A taxa de ocupação dos assentos também aumentou. Nos voos domésticos, o índice saltou de 62,64% em agosto de 2009 para 70,27% em agosto de 2010.

No mercado das empresas brasileiras que voam para o exterior, a Gol/Varig registrou crescimento expressivo de 95,62% em agosto de 2010, comparado a agosto do ano passado, e detém 15,88% de participação. A TAM é líder com 84,04% de participação e crescimento de 20,82% no período.

Nos voos internacionais, o aumento do índice de ocupação dos assentos foi de 68,93% para 79,42% no mesmo período.

(Redação - Agência IN)