Mercados da Ásia começam a semana em alta

S O PAULO, 13 de setembro de 2010 - Os mercados acionários asiáticos encerraram em alta nesta segunda-feira, dando sequência ao movimento crescente iniciado no final da última semana.

As bolsas da região foram impulsionadas por dados consistentes da economia chinesa, principalmente os da produção industrial, que se apresentaram acima das expectativas do mercado e, combinado com os resultados positivos no setor atacadista dos Estados Unidos, melhoraram o sentimento pessimista dos investidores, em relação a intensidade da recuperação da economia global.

A forte demanda das commodities do continente fez com que as ações da BHP Billiton e Hon Hai Precision Industry valorizassem, contribuindo para o bom desempenho dos índices da Ásia.

Na Europa, o euro se valorizou frente as principais moedas asiáticas, o que facilitou o aumento do volume de negócios no dia de hoje.

Por fim, o cenário mundial aguardava preocupado a decisão da reunião na sede do Banco de Compensações Internacionais (BIS), na Suíça, que contou com reguladores globais e presidentes de bancos centrais de 27 países. No entanto, a definição da nova regulação mundial, acordo que ganhou o nome de Basileia III, foi considerado positivo pela maioria dos especialistas, pois os bancos serão obrigados a manter reservas de capital maiores para se tornarem mais resistentes a choques.

Dessa forma, em Tóquio, o índice Nikkei 225 subiu 0,89%, para 9.321,82 pontos, ao mesmo tempo que em Seul, o índice Kospi subiu 0,90%, para 1.818,86 pontos. Já em Xangai, o índice Xangai Composto avançou 0,94%, para 2.688,32 pontos, e em Hong Kong, o índice Hang Seng avançou 1,89%, para 21.658,35 pontos.

(Gabriel Nunes - Agência IN)