Novell registra receita de US$ 199 milhões no 3º tri fiscal

S O PAULO, 27 de agosto de 2010 - A Novell anunciou hoje os resultados financeiros do seu terceiro trimestre fiscal encerrado em 31 de julho de 2010. No trimestre, a empresa registrou receita líquida de US$ 199 milhões comparada com a receita líquida de US$ 216 milhões no terceiro trimestre fiscal de 2009. O lucro operacional (GAAP) do terceiro trimestre fiscal de 2010 foi de US$ 21 milhões, comparado com o lucro das operações (GAAP) de US$ 21 milhões no terceiro trimestre fiscal de 2009.

O lucro líquido (GAAP) no terceiro trimestre fiscal de 2010 foi de US$ 16 milhões, ou US$ 0,04 por ação, em comparação com o lucro líquido de US$ 17 milhões, ou US$ 0,05 por ação, para o terceiro trimestre fiscal de 2009. Taxas de câmbio de moeda estrangeira impactaram favoravelmente na receita líquida em US$ 1 milhão, nas despesas operacionais em US$ 1 milhão e no lucro operacional em US$ 2 milhões em comparação com o mesmo período do ano anterior.

"Nossa receita do terceiro trimestre ficou abaixo das nossas expectativas iniciais, que acreditamos estar principalmente relacionadas com a incerteza do cliente associadas com as revisões contínuas pelo conselho de administração da empresa, das várias alternativas para aumentar o valor dos acionistas", afirmou Ron Hovsepian, presidente e CEO da Novell. "No entanto, estou otimista por termos alcançado níveis de rentabilidade consistentes. As perspectivas de crescimento dos nossos mercados-alvo continuam fortes e nosso foco futuro será no retorno à liderança através da execução de nossa estratégia diferenciada, o WorkloadIQ.

Caixa, equivalentes de caixa e investimentos de curto prazo foram de US$ 1 bilhão em 31 de julho de 2010, acima dos US$ 980 milhões no último trimestre. Os dias de vendas pendentes em contas a receber foram de 66 dias no final do terceiro trimestre fiscal de 2010, abaixo dos 71 dias no final do mesmo trimestre do ano anterior.

A receita diferida total foi de US$ 624 milhões no final do terceiro trimestre fiscal de 2010, abaixo dos US$ 674 milhões no final do mesmo trimestre do ano passado, devido ao reconhecimento de receita diferida de nosso acordo com a Microsoft. A receita diferida total foi acima do ano anterior, excluindo o impacto da Microsoft. No terceiro trimestre fiscal de 2010, o fluxo de caixa de operações foi de US$ 26 milhões, comparado aos US$ 30 milhões no terceiro trimestre fiscal de 2009.

(Redação - Agência IN)