Lupi diz que taxa de desemprego deve chegar a 7%

S O PAULO, 27 de agosto de 2010 - O ministro do Trabalho, Carlos Lupi, afirmou hoje que a taxa de desemprego deve fechar o ano em torno de 7%. Segundo Lupi, se o número se confirmar, será um recorde histórico.

"A partir de agosto teremos meses consecutivamente recordes [na geração de emprego]. A economia brasileira está indo muito bem. As acomodações que tinham de acontecer já aconteceram. A tendência é que agosto, setembro, outubro e novembro sejam recordes. Minha avaliação é que teremos taxa de desemprego - da população que busca emprego - de menos de 7%, que é o mais baixo índice histórico", disse Lupi.

O ministro estimou em 2,5 milhões o número de empregos formais criados no país em 2010 e disse que serão mais de 15 milhões, desde o início do governo Lula. Lupi participou de cerimônia de entrega de certificados de qualificação profissional para mais de mil jovens, entre 18 e 29 anos, participantes do Projeto Juventude Cidadã, que tem a maior parte dos custos bancados pelo governo federal. As informações são da Agência Brasil.

(Redação - Agência IN)