Fraudes com cheques recuam 29,17% em julho

S O PAULO, 27 de agosto de 2010 - As fraudes com cheques no Brasil caíram 29,17% no mês passado, de acordo com balanço da TeleCheque, empresa especializada em verificação de crédito em compras com cheques. O índice de fraudes em julho ficou em 0,17%, com relação a 0,24% em junho. Essa expressiva diminuição é resultado da intensa verificação e cuidado dos lojistas em relação aos golpes aplicados pelos estelionatários.

Para inibir ainda mais essas ações, a TeleCheque dá dicas ao lojista: é preciso solicitar documentos de identificação, fazer conferência da foto, exigir cartão do banco, conferir valor do cheque com a compra, não aceitar rasuras, nem trocar cheque por dinheiro e consultar serviços que possuam informações sobre cheques roubados, sustados, extraviados e cancelados.

A companhia de crédito que faz este levantamento está há 25 anos no mercado, tem informações de 100 instituições financeiras, somando 309,5 milhões de informações, de mais de 50 milhões de emitentes, atualizadas constantemente em seu banco de dados. Mais de 13 mil usuários usam os seus sistemas em mais de mil cidades do Brasil e a mesma é associada à Associação Brasileira de Serviços de Informação, Verificação e Garantia de Cheques (Abracheque).

(Redação - Agência IN)