Custo do dinheiro fecha a 10,66% ao ano

S O PAULO, 24 de agosto de 2010 - O custo do dinheiro no mercado a vista fechou com taxa anual de 10,66% e o Certificado de Depósito Interbancário (CDI) terminou em 10,63%. Para as instituições que não conseguiram zerar seus caixas, o Banco Central (BC) realiza o nivelamento das 17 horas às 17h15, por dois dias úteis.

Pela manhã, o BC recolheu um total de R$ 40,816 bilhões do Sistema Financeiro Nacional (SFN) através do leilão informal (go-around) para controlar a liquidez.

Na gestão da dívida pública, o Tesouro Nacional vendeu integralmente o lote 2,5 milhões de Notas do Tesouro Nacional série B (NTN-B), papéis indexados ao Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) que foram divididos entre o grupo I e II, equivalente a R$ 2,324 bilhões.

O Tesouro comprou também 4 mil de NTN-B do lote de até 150 mil de títulos ofertados. O único vencimento aceito foi para 15 agosto de 2050, a taxa ficou em 5,93% ao ano. Para os vencimentos entre 15 de agosto de 2030, 15 de maio de 2035, 15 de agosto de 2040 e 15 de maio de 2045 o órgão da Fazenda recusou as propostas.

(Maria de Lourdes Chagas - Agência IN)