Marina quer biocombustíveis como uma commodity

S O PAULO, 9 de agosto de 2010 - A candidata do Partido Verde (PV) à Presidência da República, Marina Silva, afirmou hoje que o Brasil tem de se esforçar para fazer a certificação do etanol. De acordo com ela, as possibilidades de crescimento que o País tem com os biocombustíveis passam pela transformação do produto em uma commodity.

"Nós temos grandes possibilidades com os biocombustíveis. Mas temos desafio da certificação. Temos de transformá-lo em commodities, mas, para isso, é necessário que outros países produzam também", disse em sabatina feita por empresários no auditório da Confederação das Associações Comerciais do Brasil, em São Paulo.

Marina defendeu ainda a reforma agrária e ressaltou que há espaço para a convivência entre o agronegócio e a agricultura familiar. "Neste auditório há uma grande diversidade. Da mesma forma, os setores do campo podem conviver", afirmou. As informações são da Agência Brasil.

(Redação - Agência IN)