IPC-S tem deflação pela oitava semana consecutiva

S O PAULO, 16 de agosto de 2010 - O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) de 15 de agosto de 2010 apresentou variação de -0,19%, taxa 0,01 ponto percentual (p.p.) abaixo da registrada na última divulgação. Nesta edição, o índice registra a oitava semana consecutiva com taxa de variação negativa.

O item Tarifa de Eletricidade Residencial, cuja variação passou de 0,64% para 0,37%, foi a principal contribuição para o recuo registrado na taxa do grupo Habitação (de 0,27% para 0,20%), classe de despesa que mais contribuiu para a desaceleração do IPC-S.

Os itens Cigarro (de 2,12% para 1,36%), Creme Dental (de 0,52% para -1,54%), Passagem Aérea (de -1,24% para -5,64%) e Roupas Femininas (de -1,14% para -1,95%) contribuíram destacadamente para decréscimo das taxas dos seguintes grupos: Despesas Diversas (de 0,91% para 0,73%), Saúde e Cuidados Pessoais (de 0,49% para 0,35%), Educação, leitura e Recreação (de 0,02% para -0,10%) e Vestuário (de -0,87% para -0,90%).

Os acréscimos registrados para os itens derivados da pecuária: Carnes Bovinas (de 0,99% para 1,72%) e Laticínios (de -1,51% para -0,95%) contribuíram para a pequena aceleração do grupo Alimentação (de -1,20% para -1,09%).

A taxa do grupo Transportes (de 0,21% para 0,29%) avançou sob influência dos recentes aumentos dos itens Álcool Combustível (de 4,06% para 5,73%) e Serviço de Reparo em Automóvel (de 0,09% para 1,02%).

A próxima apuração do IPC-S, com dados coletados até o dia 22 de agosto de 2010, será divulgada no dia 23 de agosto de 2010.

(Redação - Agência IN)