Força-Tarefa investiga irregularidade no Paraná

S O PAULO, 9 de agosto de 2010 - A Força-Tarefa Previdenciária - composta pelo Ministério da Previdência Social, Polícia Federal e Ministério Público Federal - cumpriu nesta segunda-feira (9) três mandados de busca e apreensão como parte do inquérito policial que apura fraudes contra a Previdência Social no Paraná.

As investigações começaram após denúncia de possíveis irregularidades na instrução de processos de benefícios previdenciários, intermediados por representantes de trabalhadores rurais de Maringá e região. Eventuais prejuízos somente serão conhecidos após a análise dos documentos e a conclusão das auditorias que serão realizadas nos processos de benefícios.

A Operação de Audácia é em alusão às ações executadas pelos representantes dos trabalhadores rurais, na busca pelo benefício previdenciário para seus associados. Se comprovadas as irregularidades, os envolvidos poderão responder pelos crimes de estelionato, falsidade ideológica, falsificação de documentos e formação de quadrilha, com penas que podem chegar a seis anos de reclusão.

(Redação - Agência IN)