Dólar mantém trajetória de queda, cotado a R$ 1,751

S O PAULO, 17 de agosto de 2010 - O dólar comercial inicia o dia em queda de 0,40%, negociado a R$1,751 para venda. A atuação de exportadores e o fluxo positivo garantem o movimento de baixa da divisa.

O bom humor no mercado externo também contribui para a queda do dólar comercial. Na Europa o pregão é de recuperação, destaque para notícias corporativas positivas, como a revisão para cima do lucro projetado da Carlsberg e balanço acima do previsto da empresa Wienerberger, além de indicadores de confiança na economia mais fortes em agosto. O pregão é de menor aversão ao risco e maior confiança de que, mesmo com baixa índice de crescimento, as empresas terão bom desempenho financeiro.

Nos EUA, os futuros operam em alta, com o mercado monitorando a agenda do dia. Foi informado que o Índice de Preços ao Produtor nos Estados Unidos (PPI, na sigla em inglês) avançou 0,2% em julho, depois do recuo de 0,5% visto em junho. Foi a primeira alta do indicador em quatro meses.

(Maria de Lourdes Chagas - Agência IN)