Dados positivos impulsionam bolsas europeias

SÃO PAULO, 8 de setembro de 2010 - Indicadores positivos da economia europeia fizeram com que os principais índices acionários da região encerrassem a quarta-feira em alta. Ao final dos negócios, o índice FTSE-100, de Londres, ganhou 0,41%, aos 5.429 pontos, o CAC-40, de Paris, cresceu 0,92%, aos 3.677 pontos e o DAX, de Frankfurt, subiu 0,76% aos 6.164 pontos.

A agenda econômica do dia revelou que a produção industrial alemã registrou alta de 0,1% em julho deste ano, ante o mês anterior. Na comparação com o mesmo período do ano passado, o avanço é de 10,9%.

Além disso, o saldo da balança comercial da Alemanha registrou um superávit de ?13,5 bilhões em julho de 2010, exportando o valor de ? 83 bilhões e importando ? 69,5 bilhões. De acordo com esses dados, as exportações alemãs cresceram 18,7% e as importações 24,9% neste mês. No mesmo período do ano passado, o superávit registrado foi de ?14,3 bilhões.

Já a conta corrente da balança de pagamentos alemã registrou superávit de ? 9 bilhões em julho deste ano. No mesmo mês do ano passado, o superávit foi de ? 10,6 bilhões.

No Reino Unido, por sua vez, o índice de produção, ajustado sazonalmente, referente a julho, cresceu 1,9% em relação ao mesmo período do ano passado, enquanto que o índice do setor manufatureiro aumentou 4,9% na comparação com julho de 2009.

Além disso, os investidores especulam um possível anúncio feito por Barack Obama de um pacote de estímulos de US$ 300 bilhões. A informação contribuiu para os ganhos.

(Redação - Agência IN)