Setor da construção responde por 38% do volume de cheque

SÃO PAULO, 25 de junho de 2010 - Com o aumento no volume de aquisição de imóveis, causado pela melhora na economia familiar, o mercado de material de construção tem sentido aumento significativo em seu faturamento. Prova disso é o fato do cheque corresponder a 38% do movimento neste segmento, somente no último trimestre.

Mas, para a OK Garante, divisão da Rede CheckOK, desenvolvedora de soluções eletrônicas para segmentos de informação de crédito, este ranking pode sofrer alterações. "Quando se adquire itens de material de construção é um mês ou outro, com certa flexibilidade no volume. Pode ser que supermercado suba posição para substituir os custos, por ser uma necessidade de sobrevivência. A tendência é que mercado de construção agora desça um pouco", acredita Antonio Afonso, executivo da OK Garante.

A empresa, que atua diretamente em meios de pagamento, aposta fortemente na atuação com o mercado varejista. Para isso tem destacado suas iniciativas e parcerias, além de produtos disponíveis para o mercado.

Para este ano a OK Garante tem como objetivo conquistar novos parceiros em todo País e manter-se entre as maiores do mercado.

(Redação - Agência IN)