Jogo da seleção desafoga tráfego paulistano

SÃO PAULO, 25 de junho de 2010 - As principais ruas e avenidas da capital paulista ficaram praticamente vazias durante o jogo da Copa do Mundo entre o Brasil e Portugal disputado hoje. Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), entre o início da partida e quase todo o segundo tempo nenhum ponto de lentidão foi registrado nos 868 quilômetros em que o tráfego é monitorado.

A companhia chegou a montar um esquema especial por conta da terceira participação brasileira no Mundial, mas a previsão de que o trânsito poderia se complicar antes do começo da disputa acabou não se concretizando.

Como muitas pessoas assistiram ao jogo em casa ou foram trabalhar à tarde, o tráfego ficou estável. Após a partida, a companhia monitorou os principais eixos viários, especialmente em áreas comerciais que concentram bares e restaurantes, como os bairros de Moema, dos Jardins, Vila Mariana, de Pinheiros, Vila Madalena, Vila Olímpia, Santana e do Tatuapé.

O Metrô e a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) não registraram qualquer problema até o meio-dia. Segundo a Central de Informações do Metrô, antes do jogo o movimento foi menor do que o registrado diariamente. As duas empresas deixaram vários trens de prontidão em locais estratégicos para atender a um eventual aumento da demanda após o jogo.

A rotina nos dois principais aeroportos paulistas, Congonhas e Guarulhos, não foi alterada pelo jogo. As informações são da Agência Brasil.

(Redação - Agência IN)