Agrale lança ônibus ecológico

SÃO PAULO, 25 de junho de 2010 - A Agrale, reconhecida como única empresa do setor automobilístico com capital e controle 100% nacionais, apresenta o Agrale Hybridus, modelo de ônibus para o transporte urbano de passageiros especialmente em corredores centrais ou em linhas de interligação.

O desenvolvimento do ônibus Hybridus baseou-se em pesquisa por alternativas que permitam a mobilidade veicular de forma menos ofensiva ao meio ambiente, utilizando o talento dos engenheiros e pesquisadores brasileiros na busca por novas e modernas tecnologias automotivas.

O veículo é resultado de estudos da necessidade de utilização de ônibus modernos, confortáveis, silenciosos, eficientes e que gerem o mínimo possível de custos e de impactos ao meio ambiente.

O novo veículo constitui-se de tecnologia híbrida diesel/elétrica, equipado com conjunto propulsor formado por dois motores elétricos de tração de indução trifásica, interligados mecanicamente por intermédio da caixa somadora, e um motor elétrico auxiliar, igualmente de indução trifásica. Dispõe de motor Cummins a diesel, de quatro cilindros em linha, somente acionado para auxiliar o conjunto de ultracapacitores nas partidas, em aclives e na geração de energia. Todos os propulsores, assim como o gerador, estão instalados na parte traseira do veículo, o que contribui para melhor distribuição de pesos e conforto para os passageiros.

E vez de bateria, pesada, com autonomia limitada e longo tempo para recarga, o Agrale Hybridus é equipado com o sistema ELFA (Electric Low Floor Axle), desenvolvido pela Siemens, controlado pela central eletrônica DICO (Digital Input Control), que reúne dois ultrapacitores (U'Caps), cada um com 110 capacitores interligados que produzem entre 600 e 700 Volts.

Ainda integram o sistema um gerador de energia, com quatro inversores e Breaking Resistor (Resistência Elétrica). Com a tecnologia empregada, esse conjunto substitui as baterias convencionais de chumbo-ácido e até mesmo as de íon de lítio. Seu tempo de recarga é instantâneo e sua vida útil muito superior a uma bateria convencional.

(Redação - Agência IN)