Índices dos EUA devem conduzir mercado hoje

SÃO PAULO, 16 de junho de 2010 - O otimismo parece continuar prevalecendo na sessão desta quarta-feira, entretanto, a cautela pode tomar conta a qualquer momento, enquanto os agentes aguardam a divulgação de dados dos Estados Unidos. Dentre os principais índices acionários asiáticos, na Bolsa de Valores de Seul, o índice Kospi subiu 0,91% para 1.705,33 pontos. E o índice de valores tecnológicos Kosdaq apresentou ganhos de 0,18%, para 495,95 pontos.

Em Tóquio, o índice Nikkei 225 subiu 1,81%, para 10.067,15 pontos. O indicador Topix, que reúne todos os valores da primeira sessão, avançou 1,54%, aos 892,38 pontos.

Já as Bolsa de Xangai e de Hong Kong permaneceram fechadas em função do feriado nacional do Festival de Tueng Ng (Barco do Dragão).

Na Europa também prevalece o movimento comprador, apesar de tímido. Há pouco, os principais índices da região registravam ganhos. O índice FTSE-100, de Londres, crescia 0,21%, aos 5.228 pontos, o CAC-40, de Paris, subia 0,09%, aos 3.664 pontos. E o DAX, de Frankfurt, avançava 0,13%, aos 6.183 pontos.

E no continente hoje foi revelado que o número de empregos no setor público do Reino Unidos diminuiu para 6,090 milhões no primeiro trimestre de 2010, contra 7 milhões do último semestre de 2009.

Já a inflação na zona do euro subiu para 1,6% em maio de 2010, contra 1,5% em abril. No mesmo período do ano passado, a taxa era de 0,0%.

Entretanto, a agenda econômica norte-americana carregada é que deverá definir o ritmo de ganhos dos mercados hoje. Para esta quarta-feira os agentes aguardam as divulgações do Índice de Preços ao Produtor, o índice que mede as Construções Iniciadas de Residências, as Permissões de Construção, a produção industrial e a utilização da capacidade instalada nas indústrias.

No cenário interno, destaque para indicadores de inflação. Pela manhã foi divulgado que o Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) de 15 de junho registrou deflação de 0,04%, taxa 0,25 ponto percentual abaixo da última medição. Este é o menor resultado desde a quarta semana de setembro de 2008 (-0,09%).

Já o Índice Geral de Preços Mercado - 10 (IGP-10) registrou variação de 1,30% em junho deste ano, contra 1,11% em maio.

Para hoje estão previstos ainda a Pesquisa Mensal do Comércio (PME) e o índice que mede o emprego na indústria.

No campo acionário, o Ibovespa, após ter fechado ontem (15) com valorização de 1,43%, deve operar hoje atrelado aos índices norte-americanos, repercutindo os indicadores da economia dos Estados Unidos.

(Carina Urbanin - Agência IN)