Em dia de feriado nos EUA, Ibovespa avança 1,77%

SÃO PAULO, 31 de maio de 2010 - Na última sessão do mês de maio, o volume de negócios foi reduzido na BM&FBovespa diante do feriado nos Estados Unidos e Reino Unido. Com a agenda econômica fraca, os investidores aproveitaram para refazerem algumas posições em meio às quedas recentes. No fim do dia, o Ibovespa subiu 1,77%, aos 63.046 pontos. O giro financeiro da bolsa ficou em R$ 3,895 bilhões. No mês, o índice caiu 6,63%.

Na opinião de Adriano Moreno, estrategista da Futura Investimentos, os agentes compraram ações visando diminuir as perdas do índice no mês. "Nosso mercado hoje chegou até a se descolar das bolsas européias tentando reverter a cota negativa", disse.

O bom comportamento do índice refletiu o desempenho positivo das blue chips. As ações da Vale (PNA) tiveram ganhos de 2,21% e as da Petrobras (PN), alta de 4,96%, enquanto que as Gerdau (PN) subiram 2,37%.

No pregão também vale destacar os papéis do setor de telecomunicações. "A alta está relacionada com o movimento societário da Telemar com a Brasil Telecom, de aprovar o plano de troca de ações", justificou Moreno. Com isso, as preferenciais e ordinárias da Telemar avançaram 5,08% e 5,26%, nesta ordem.

Na contramão ficaram alguns papéis do segmento de construção civil, com as ações da PDG (ON) em queda de 1,85%, e as da Agre (ON), com retração de 0,52%. Segundo o estrategista, o desempenho é uma realização de lucros.

Moreno ressaltou ainda que a semana na BM&FBovespa será marcada pela volatilidade, diante de agenda carregada de indicadores econômicos e também em função do feriado local.

(Déborah Costa - Agência IN)