BC estima em 9,84% crescimento da economia no primeiro trimestre

SÃO PAULO, 19 de maio de 2010 - A atividade econômica brasileira teve alta de 9,84% no primeiro trimestre do ano, comparado ao mesmo período de 2009. É que mostra o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br). Na comparação com o último trimestre de 2009, o crescimento foi de 2,38%.

O IBC-Br é uma forma de antecipar como está a evolução da atividade econômica e contribui para a decisão do Banco Central (BC) sobre a taxa básica de juros, a Selic. Quando a instituição considera que a economia está aquecida e a trajetória da inflação é de alta, a Selic é elevada, como ocorreu, em abril, na última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) do BC, que elevou a taxa básica de 8,75% ao ano para 9,50% ao ano.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) só divulgará o resultado do crescimento da economia (Produto Interno Bruto - PIB) do primeiro trimestre no dia 8 de junho deste ano.

Inicialmente, o índice de atividade econômica era calculado por alguns estados e todas as regiões do País, mas neste ano, passou a ter abrangência nacional e a ser divulgado mensalmente. O índice inclui dados da agropecuária, indústria e dos serviços. As informações são da Agência Brasil.

(Redação - Agência IN