Prêmios dos DIs sinalizam estabilidade na BM&FBovespa

SÃO PAULO, 18 de maio de 2010 - As projeções de juros embutidas nos contratos de Depósito Interfinanceiro (DI) negociados na BM&FBovespa operam dentro da estabilidade. Há pouco, o contrato de DI com vencimento em janeiro de 2011 apontava taxa anual de 11,07%, ante 11,06% do ajuste anterior. Janeiro de 2012 projetava juro de 12,27%, mesma do último fechamento.

Pela manhã foi divulgado o resultado do Índice de Preços ao Consumidor (IPC) no município de São Paulo, medido pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe/USP), que desacelerou para 0,46% na segunda quadrissemana de maio, inferior ao índice da primeira, que foi de 0,49%. O dado veio abaixo da mediana das expectativas, destaque para o arrefecimento dos alimentos e vestuários. Na ponta oposta o grupo saúde segue em alta, captando o reajuste dos remédios.

Ainda na agenda do dia, está previsto o anúncio da arrecadação da Receita Federal, dados de abril.

(Maria de Lourdes Chagas - Agência IN)