Países da UE chegam a acordo para regular os fundos especulativos

Agência AFP

BRUXELAS - Os ministros das Finanças da União Europeia acertaram nesta terça-feira, em Bruxelas, um projeto de regulação dos fundos especulativos, apesar das reticências britânicas.

O projeto prevê regular os fundos conhecidos como alternativos, ou seja, os fundos especulativos (hedge funds), e os fundos de capital de risco e de investimento.

Trata-se da primeira vez que a União Europeia se propõe a regular esses fundos, acusados de ter amplificado a crise financeira.

Os 27 países da UE terão que negociar agora com o Parlamento europeu, para obter um compromisso e adotar definitivamente o texto, o que se espera que seja concluído antes do verão europeu.

O projeto havia sido bloqueado até agora pela Grã-Bretanha, preocupada em proteger a City de Londres, onde estão 80% dos fundos especulativos que operam na Europa, e que, no ano passado, operaram com um trilhão de dólares.