Projeções de DIs fecham sem direção definida

SÃO PAULO, 7 de maio de 2010 - As projeções de juros embutidas nos Certificados de Depósito Interfinanceiro (CDI) negociados na BM&FBovespa fecharam sem tendência única. O contrato de DI com vencimento em janeiro de 2011, foi o mais negociado. Este papel apontou taxa de 11,03%, frente aos 11,02% do ajuste anterior, com 485,1 mil de propostas efetuadas e giro de R$ 45,2 bilhões.

O contrato de DI com vencimento em junho de 2010, após 376,9 mil contratos fechados e giro de R$ 37,4 bilhões apresentou taxa anual de 9,39% mesma do último ajuste. O contrato de DI de julho de 2010 fechou com taxa anual de 9,69%, ante 9,70% do ajuste anterior. O mesmo negociou 83,3 mil contratos e giro de R$ 8,2 bilhões.

Já o contrato de DI com vencimento em janeiro de 2012 projetou taxa anual de 12,39%, ante 12,42% do fechamento anterior, após 178,8 mil negócios (R$ 14,7 bilhões).

O DI de janeiro de 2013 projetou taxa de 12,82%, contra 12,83% do último ajuste. Janeiro de 2017 projetou juro de 12,90%, ante 12,82% do fechamento de ontem.

(Elaine Cristina Adriano - Agência IN)