Prêmios dos DIs abrem sinalizando queda na BM&FBovespa

SÃO PAULO, 7 de maio de 2010 - As projeções de juros embutidas nos contratos de Depósito Interfinanceiro (DI) abriram sinalizando queda na maioria dos vencimentos. Na BM&FBovespa há pouco, o contrato de DI com vencimento em 2011 projetava juro de 11,02%, mesma do ajuste anterior. O contrato de DI vencimento em janeiro de 2012 apontava taxa anual de 12,38%, contra 12,42% do ajuste anterior.

Os agentes seguem avaliando o resultado do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) que aumentou 0,57% em abril, acima da taxa apurada um mês antes, de 0,52%. O dados veio dentro do esperado pelo mercado financeiro.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou também a produção industrial brasileira que subiu 2,8% em março, na comparação com fevereiro. No acumulado entre janeiro e março, o crescimento foi de 18,1%. Já no acumulado de 12 meses, a produção teve retração de 0,3%.

No front externo, a piora do cenário financeiro na Europa traz um alerta aos BCs asiáticos quanto às medidas de aperto monetário na região, política que poderá ser suspensa ou revisada caso a crise afete de maneira mais significativa a economia real, mesmo com os riscos inflacionários na Ásia. Os dados são do relatório da ICap Brasil.

(Maria de Lourdes Chagas - Agência IN)