G20 reafirma objetivo de crescimento mundial equilibrado

SÃO PAULO, 23 de abril de 2010 - Os países ricos e emergentes do Grupo dos 20 (G20) reafirmaram nesta sexta-feira, em Washington, seu compromisso de conseguir um equilíbrio da economia mundial para promover um crescimento forte e durável, elaborando estratégias "críveis" de saída da crise.

Os ministros das Finanças e presidentes de bancos centrais do G20 se comprometeram a "assegurar uma recuperação econômica mundial e a transição para um crescimento forte, durável e equilibrado".

O G20 buscará "elaborar estratégias críveis de saída a partir de medidas de apoio financeiro e macroeconômico desenhadas em função das circunstâncias específicas de cada país, levando em conta também eventuais efeitos negativos", afirma o comunicado dos ministros.

"A recuperação global tem sido melhor que o previsto, em grande parte devido à estratégia concentrada e sem precedentes do G20", afirma o documento.

O grupo também pediu que o Fundo Monetário Internacional (FMI) continue seu trabalho perante o setor financeiro.

"Pedimos ao FMI que continue trabalhando sobre as opções possíveis para fazer com que as instituições financeiras de cada país adotem o peso de toda intervenção extraordinária dos Estados, atacando o problema da tomada excessiva de riscos e contribuindo para favorecer uma competição justa", afirmou o G20.

(Redação com agências internacionais - Agência IN)