Chrysler já perdeu US$ 4 bi desde que saiu da concordata

Agência AFP

AFP - A montadora americana Chrysler perdeu US$ 4 bilhões desde que deixou o processo de concordata em junho de de 2009, dos quais US$ 3,78 bilhões correspondem ao ano de 2009, anunciou a empresa nesta quarta-feira.

Depois de ter registrado um prejuízo líquido de US$ 3,78 bilhões entre 10 de junho e 31 de dezembro de 2009, a Chrysler teve perda líquida de US$ 197 milhões no primeiro trimestre do ano.

A empresa registrou um volume de negócios de US$ 9,687 bilhões, uma alta de 2,7% em relação ao quarto trimestre do ano passado.