Prêmios dos DIs recuam com dados de inflação

SÃO PAULO, 20 de abril de 2010 - As projeções de juros embutidas nos contratos de Depósito Interfinanceiro (DI) abriram em queda com os investidores repercutindo novos dados de inflação. Há pouco, o contrato de DI com vencimento em 2011 projetava juro de 10,75%, ante 10,76% do ajuste anterior. O DI com vencimento em janeiro de 2012 apontava taxa anual de 12,02%, contra 12,04% do ajuste anterior.

Os agentes financeiros iniciam o dia repercutindo o resultado da segunda prévia do Índice Geral de Preços Mercado (IGP-M), em linha com a mediana das expectativas, variação de 0,50%. O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA) subiu 0,38%, destaque para a desaceleração dos produtos agropecuários (0,59% contra 2,92%), além do bom desempenho dos produtos industriais. No Índice de Preços ao Consumidor (IPC) o arrefecimento foi menor, com o grupo alimentação pressionando o varejo.

Na sequência foi informado o resultado do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA-15) que subiu 0,48% em abril. O mercado estimava inflação entre 0,39% e 0,54%, mediana em 0,47%.

Está prevista para hoje a divulgação da arrecadação de impostos referente ao mês de março pela Receita Federal.

(Maria de Lourdes Chagas - Agência IN)