FSA abre investigação oficial sobre Goldman Sachs

SÃO PAULO, 20 de abril de 2010 - A Autoridade de Serviços Financeiros (FSA) britânica anunciou nesta terça-feira a abertura de uma investigação oficial sobre o banco nova-iorquino Goldman Sachs, quatro dias depois que o órgão regulador da bolsa norte-americana (SEC) acusou a instituição de fraude.

"Após as primeiras averiguações, a FSA decidiu abrir uma investigação formal sobre a Goldman Sachs International relacionadas às recentes afirmações da SEC", declarou o regulador britânico em comunicado.

A FSA explicou que trabalhará em estreita colaboração com a SEC, que na sexta-feira passada acusou o prestigioso banco estadunidense de ter enganado os investidores com a venda de produtos complexos relacionados com os créditos hipotecários de risco, os famosos "subprime" que originaram a crise financeira mundial.

(Redação com agências internacionais - Agência IN)